Conhecer a Baía de Ieranto

Diz a lenda que as sereias viviam exatamente na extrema ponta da Península Sorrentina, por isso muita gente afirma que Sorrento é a "Terra das Sereias". É ali que fica a Baía de Ieranto, do grego Ieros: lugar sagrado, uma língua de terra que vai do burgo de Nerano em direção a Capri.

Ieranto é hoje propriedade da FAI, o Fondo Nazionale per l'Ambiente da Itália, que organiza visitas guiadas. O acesso à área é sempre aberto.

Como chegar em Ieranto

A trilha que vai até a Baía de Ieranto começa em Nerano, um vilarejo de pescadores na ponta da Península Sorrentina.

Para ir de Sorrento até Nerano você pode pegar um ônibus e descer na parada do centro do vilarejo de Nerano (e não em Marina del Cantone onde fica a praia). Peça para o motorista se ele pode te indicar o ponto. Outras opções para ir até Nerano são o carro ou scooter: existem diversos estacionamentos no local.

A trilha tem início 100 metros abaixo da praça central da cidade e existem diversas indicações e cartazes.

Vale a pena saber antes de partir

  • Distância da trilha: 6 quilômetros
  • Duração média: 3 horas (ida e volta)
  • Grau de dificuldade: médio
  • Serviços disponíveis: no refúgio da FAI existem banheiros. Não existem bares e restaurantes por isso leve água e algo para comer se você tem a intenção de passar o dia inteiro.

A Baía de Ieranto

A trilha começa em um trecho de planície, passando ao lado da casa rosa que foi a residência sorrentina de Norman Douglas, o escritor britânico autor da obra "terra das Sereias".

Depois de chegar em uma grande rocha sobre a praia de Nerano - local onde as bruxas costumavam voar, segundo a lenda - começa um trecho em descida, rodeado pela vegetação típica do Mediterrâneo, que vai ficando cada vez mais selvagem à medida que você caminha.

De repente você se depara com um panorama maravilhoso: a vista vai dos Faraglioni da ilha de Capri até um vale verde cheio de oliveiras. Entre as oliveiras você encontra o refúgio da FAI onde é possível parar para descansar. Do refúgio você pode ir até a praia ou pode optar por pegar a bifurcação pouco antes de chegar no refúgio. Do outro lado existe uma subida em direção ao Mont'Alto e Punta Penna.

A praia de Ieranto

A parte final da trilha é feita de uma "escada de mineradores", que era usada pelos mineradores que aqui chegaram no início de 1900 para extrair cal. Se naquela época ela era simplesmente um modo de chegar mais rápido nas cavernas, hoje a escadaria tem uma função muito mais agradável: conduzir até a pequena praia com vista para Capri e suas três lindas rochas, os "Faraglioni".

Quem desejar passar o dia na praia deve trazer todo o necessário porque aqui ninguém aluga cadeiras, guarda-sol ou vende comidas e bebidas. Em compensação você poderá mergulhar na água mais limpa do litoral. Essa é uma área protegida e é proibido o uso de qualquer tipo de veículo com motor. Atenção apenas com as águas-vivas!

Nossas dicas para seu passeio até a Baía de Ieranto

Confira no site da FAI se existem eventos em programação durante a sua estadia. Existem sempre atividades interessantes e bem organizadas. Vista sapatos confortáveis e prefira uma mochila invés de uma bolsa: afinal é uma trilha na montanha.
Programe o retorno no final da tarde, para evitar o sol forte das horas mais quentes do dia.